Sem raias Rotating Header Image


Fuga das Ilhas 2015

Última prova do ano, Fuga das Ilhas 2015, na praia da Barra do Sahy.

fuga-das-ilhas-2015

Contente com o resultado e com o ano de natação. Terminei a prova de ontem em 5° na minha categoria que tinha 162 pessoas. No geral masculino terminei em 61° de 1780.

Vários amigos de natação estavam lá. Drielle, Camila, Rodrigo, Glauco, Paola, Ana, Lucia, Jonathan, Adriano, Nathalia, Fabio, Fran. Só que tinha tanta gente, que alguns dos amigos eu nem encontrei lá. Só soube que estavam lá pelo Facebook… 😛

Pra quem quiser ver o trajeto:



14 Bis – 2015

Em 2011 eu tinha me proposto fazer a 14 Bis. Escrevi sobre isso aqui no blog. Cheguei inclusive a postar um exemplo de treino de piscina e treino de mar que fiz. Só que naquele ano não deu certo. Houve algumas mudanças em meu trabalho no mês de outubro que não só tiraram minha disponibilidade de tempo para treinar, como também meu foco. Naquele ano decidi abandonar o desafio. E essa prova ficou “entalada”. Eu sempre tive vontade de fazer, mas sempre havia alguma dificuldade de tempo e/ou foco.

Esse ano, em julho fui fazer uma prova incrível, na Turquia, atravessando o estreito de Bósforo, da Ásia para a Europa nadando. Além disso, venho fazendo provas mais longas em todos os campeonatos que tenho participado, incluindo algumas provas de 10K. Essas provas me deram a confiança de tentar encarar o desafio da 14 Bis de novo esse ano. Tomei a decisão em agosto, quando minha treinadora Drielle Morton confirmou que poderia me acompanhar durante a prova que, por ser muito longa, requer que vc tenha um barco ou caiaque do seu lado te acompanhando para poder te dar alimentação e água.

Decisão tomada, começaram os treinos. Subi dos 3,5K por dia, 5 vezes por semana, para algo entre 5K e 6K por dia, 5 vezes por semana, mais um treino longo no fim de semana que variava de 10K a 15K.

No dia da prova, minha treinadora ainda não sabia quem ia dirigindo o barco com ela e eu fui para a largada sem saber em que barco ela estaria. Dada a largada, fui com o fluxo, até encontrar minha treinadora e, para minha surpresa, ela estava em um caiaque com ninguém menos que Glauco Rangel, nadador e treinador conhecido, que já fez a prova umas10 vezes, das quais foi campeão do geral umas 7 vezes. Minha confiança foi lá em cima.

Até a metade da prova foi tudo tranquilo, pois a maré estava a favor. Depois da metade da prova começou a ficar mais puxado, corpo começa a doer mais, tive que parar mais vezes. Após 5 horas e 54 minutos, consegui chegar. E para minha surpresa, terminei em 1º na minha categoria (45+).

Aqui vão algumas fotos:


20151101155035

20151101155022

20151101155022 (1)

20151101155022 (2)

20151101155022 (3)

20151101155022 (5)

20151101155016

20151101155016 (1)

20151101155016 (2)

20151101155016 (4)

20151101155016 (5)

20151101155007

20151101155007 (1)

20151101155007 (2)

20151101155007 (3)

20151101155007 (5)

20151101154935

20151101154935 (1)

12046728_10153344918948772_1392665982234574499_n

O vídeo da chegada:



O trajeto no site da Garmin:



O trajeto em alta resolução, clique na imagem para ver os detalhes:

14-Bis-2015-alta-res



7 rapazes de 80+ cruzam o Catalina Channel

Sete jovens da categoria 80+ acabaram de cruzar em revezamento, no dia 20/08, em 12h15 o Catalina Channel, de 32K.

old men

Fonte: Daily News of Open Water Swimming



Clip da prova do Grand Prix da FINA etapa de Cozumel em abril de 2015



Um dia na vida de um atleta de elite de natação em águas abertas



Da Ásia para a Europa, nadando!

No último domingo, dia 26/07, foi dia de ir nadando da Ásia para a Europa! Bosphorus Cross-Continental Swimming Race. Experiência incrível! Recomendo a todos os nadadores.

A organização diz que são 6,8K com ajuda da correnteza, mas a medição do meu Garmin deu 4,83K e desenhando o percurso no Google Maps deu 5,62K. A correnteza não ajudou tanto quanto nos anos anteriores. O primeiro colocado chegou em 1:01. Em anos anteriores o primeiro colocado chegava e, 0:45. Fiz a prova em 1:21:55. Minhas estatísticas da prova:

  • Melhor tempo entre todos os brasileiros.
  • 144° de 1385 homens.
  • 179° de 1832 total.
  • 16° da 178 na categoria 45-49.

Abaixo o mapa do percurso pelo Garmin:

E um cálculo aproximado feito no GooGle Maps:



Treino em Porto Feliz

No último feriado de Corpus Christi fui com a família para Porto Feliz, em uma pousada chamada Dois Santos. A pousada tem um lago artificial com praia ótimo para praticar natação. Fica a 1,5 hora de São Paulo e pode-se pernoitar ou só passar o dia.

Abaixo o treino que fiz e algumas fotos do lugar.

dois_santos

dois_santos_2



Huntington Beach Pier Swim

Para quem curte provas internacionais, acabo de saber sobre a Huntington Beach Pier Swim, que acontece em junho todo ano. É uma prova onde o nadador sai da praia, contorna o pier que existe na Huntington Beach e volta para a praia. Pelo mapa parece ter uns 700m.

Abaixo um vídeo da prova:



Nadando em Curaçao

Acabo de ver que faz quase 1 ano que não escrevo nada por aqui… :-/

Vou tentar corrigir isso. Começo com um post sobre uns treinos que fiz nas férias, em Curaçao. Curaçau é uma ilha no Mar do Caribe, anteriormente parte das hoje extintas Antilhas Holandesas, e hoje um país autônomo constituinte do Reino dos Países Baixos. Foi a primeira vez que tive a oportunidade de nadar nas águas azuis transparentes do Caribe.

Uma das nadadas foi próximo ao hotel onde eu estava hospedado:

IMG_20150219_104420170

IMG_20150219_104432890

IMG_20150219_104436885

IMG_20150219_114526316

IMG_20150219_120509360

A outra nadada foi na praia chamada Cas Abao. Nessa praia, além da água azul transparente com muitos peixes, nessa dava pra ver o fundo bem fundo, estimo mais de uns 50m de profundidade. Em alguns momentos passei em cima de mergulhadores. Foi uma nadada inesquecível!

IMG_20150220_155630595

IMG_20150220_155738228

IMG_20150220_155713255



Drones para filmar esportes de ação

Acabo de encontrar um projeto super interessante no Kickstarter de um drone para acoplar a uma câmera GoPro para filmar esportes de ação. Dá uma olhada no vídeo abaixo de apresentação do produto. O primeiro lote do produto fica pronto em maio de 2015. Já pensou filmar uma prova de águas abertas com um drone desses? 🙂

 

magbo system